O bilionário tcheco Daniel Kretinsky está em conversa avançada para comprar uma participação de 27% no West Ham, de acordo com a mídia britânica. 

O negócio inicial poderia ser concluído já em novembro, com a Sky Sports relatando que o negócio de Kretinsky inclui uma opção adicional para comprar o clube. 

Kretinsky, no qual Forbes diz que vale US$ 4 bilhões, está alegadamente investindo US$ 206,8 milhões por sua participação, avaliando o West Ham entre US$827 milhões e US$965 milhões. 

Kretinsky é também o co-proprietário e presidente da Sparta Prague, enquanto no Reino Unido é o maior acionista da Royal Mail, e o segundo maior acionista da Sainsbury’s. 

O  West Ham United tem como co-proprietário David Gold e David Sullivan desde 2010, quando eles compraram uma participação majoritária de 86% no clube por US$118,6 milhões.  

Kretinsky é o segundo investidor a se aproximar do clube este ano. A empresa de private equity PAI Capital vem sondando publicamente o clube e viu uma segunda oferta ser rejeitada em setembro. 

O sócio diretor da PAI Capital, Nasib Piriyev, disse em uma declaração na ocasião: “Estou desapontado por não podermos concluir o negócio como esperado, pois temos algumas grandes idéias para o clube”.