Os clubes da Premier League parecem estar prontos para perder os seus lucrativos negócios de patrocínio de camisas em 2023, com a revisão do governo britânico da Gambling Act de 2005, que proibiu este tipo de parceria, de acordo com reportagens da imprensa britânica. 

Como parte da revisão da Gambling Act, vários veículos de imprensa britânicos estão relatando que esses patrocínios de camisas – atualmente realizados por nove clubes na Premier League e 15 clubes considerando a EFL – podem ser banidos em 2023. 

As reformas também poderiam ver o governo britânico fechar uma lacuna existente, que permite que as marcas de apostas sem licença britânica façam parcerias, muitas vezes sediadas em territórios como a Ilha de Man ou Malta, para conseguir acesso ao mercado britânico.

Em toda a primeira divisão do futebol inglês e na segunda divisão do campeonato, os acordos de patrocínio de camisas de aposta valem atualmente um total de 100 milhões de libras (US$ 137 milhões), de acordo com o Daily Mail

Abaixo estão os principais setores que investem anualmente em patrocínios de camisas de clubes da Premier League: 

  • Companhias aéreas: 87 milhões de libras  
  • Casas de Apostas: 56 milhões de libras  
  • Bancos e Empresas de Investimento: 47 milhões de libras  
  • Tecnologia: 44 milhões de libras 
  • Telecomunicação: 40 milhões de libras 
  • Seguros & Pensão: 40 milhões de libras 

A notícia vem depois que Peter Shilton, ex-goleiro da Inglaterra, se uniu com outros defensores da mesma ideia, para entregar uma petição assinada por 12.000 pessoas, para pedir o fim da publicidade excessiva de apostas no mundo do futebol.

Embora a mudança não aborde a questão do marketing na TV e das placas laterais dos jogos, essa será a mudança mais significativa na publicidade no futebol, desde que a promoção do tabaco foi banida no Reino Unido em 2003. 

Os clubes afetados são: Brentford, Burnley, Crystal Palace, Leeds, Newcastle, Southampton, Watford, West Ham, Wolves, Birmingham, Bristol City, Coventry City, Derby County e Middlesbrough, Stoke City. 

Vale ressaltar que a própria Liga Inglesa é patrocinada pela SkyBet.