O Nubank segue os passos da empresa de agricultura sustentável UPL Ltd, que se tornou a primeira patrocinadora do mercado sul-americano do torneio.

Sob o modelo de patrocinador regional da Fifa, introduzido antes da Rússia 2018, cinco vagas de patrocínio são alocadas para cada um dos cinco mercados regionais: Europa, América do Norte/Central, América do Sul, África/Médio Oriente e Ásia.

O patrocínio do Nubank proporcionará ao banco digital brasileiro acesso a ingressos de torneios, ativos de marca e conteúdo de arquivo para desenvolver promoções e oportunidades adicionais para engajar o público na América do Sul no período que antecede o Qatar 2022.

Arturo Núñez, diretor de marketing do Nubank, disse que o patrocínio representa uma oportunidade única para envolver o público na região. “Contribuiremos para tornar esta celebração ainda mais extraordinária para todos com iniciativas emocionantes que reunirão as pessoas para sentir a emoção que somente uma Copa do Mundo da Fifa pode trazer”, explicou ele.

“No Nubank, fazemos as coisas de maneira diferente, e isto não será exceção. Nosso objetivo é que, em cada canto da América do Sul, as pessoas sintam e vivam a emoção da Copa do Mundo da Fifa”.

A Fifa agora contratou cinco dos 25 possíveis locais de apoio regional, tendo também feito acordos para o mercado da África/Médio Oriente com três empresas do Catar: a empresa de logística GWC, o grupo bancário QNB e a Telecom Ooredoo.

Falta menos de um ano para que o Qatar 2022 seja realizado, de 21 de novembro a 18 de dezembro, em oito estádios ao redor do Qatar.