Diante da atual corrida para dominar os principais conteúdos de mídia esportiva, duas das maiores marcas do mundo estão se unindo. Durante a última semana, Apple e Nike anunciaram que estão unindo forças para produzir uma série de filmes focados em esporte. A parceria de vários anos fará com que a Apple Original Films trabalhe com a Waffle Iron Entertainment, produtora de Swoosh, e a Makeready da Nike.  

De acordo com a revista norte-americana Deadline, o acordo garante que a Apple entrará com o financiamento e distribuição dos projetos. Pelo lado da Nike, Justin Biskin, da Waffle Iron, fará a produção dos conteúdos. Brad Weston e Collin Creighton, da Makeready, também estão envolvidos no processo de produção. 

A Waffle Iron produziu o filme O Dia em que o Esporte Parou, lançando em 2021, que abordou a história da paralisação sem precedentes das competições esportivas em março de 2020, em iniciativas de justiça social apoiadas por atletas. Além da série documental Promiseland, sobre o astro do Memphis Grizzlies, Ja Morant. Enquanto a Apple está atualmente desenvolvendo um filme de Fórmula 1 estrelado por Brad Pitt, produzido pelo piloto da Mercedes Lewis Hamilton. 

A Apple e a Nike já trabalharam juntas anteriormente, quando a Nike criou suas próprias versões do Apple Watch SE e Series 7. As duas marcas também se uniram em 2006 para o Nike + iPod Sports Kit. Além disso, o CEO da Apple, Tim Cook, atua no conselho de administração da Nike desde 2005. 

Investida da Apple em mídia esportiva 

A Apple está investindo cada vez mais em conteúdos esportivos para a sua plataforma de streaming Apple TV. Além do programa original de sucesso focado na Premier League, Ted Lasso, a plataforma terá exclusividade para transmitir todas as partidas da MLS a partir de 2023, além de fechar um acordo com a MLB para jogos de sexta à noite, no valor de US$ 85 milhões por ano, e estar em vias de adquirir os direitos do “NFL Sunday Ticket”, que pode chegar a US$ 2,5 bilhões por ano.